Quem empreende mais: homem ou mulher?

As mulheres empreenderam mais nos últimos dois anos do que os homens é o que mostra o mais atual estudo do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) sobre o assunto, com base na pesquisa GEM (Monitor Global de Empreendedorismo, na sigla em inglês).

A dimensão total de mulheres adultas ligadas ao empreendedorismo aumentou e, entre os “patrões mais recentes” (quem tem uma empresa com menos de 3,5 anos), elas são maioria: 15,1% contra 14,7% no caso dos homens.

O percentual de mulheres que empreendem por mendicidade é 12 pontos maior do que a dos homens: eles são 32%, enquanto elas atingem a marca de 54%.

O estudo destaca que “particularmente em 2015, com a lentidão da economia, cresceu muito o empreendedorismo por escassez no grupo das mulheres, puxando a intensidade de empreendedorismo por necessidade geral do País”. Isso se deve a necessidade de adicionar a renda ou pagar as contas de casa.

Uma das consequências que se pode tirar da pesquisa é que as empresárias brasileiras, na hora de modernizar, preferem melhorar processos a criar, de fato, um produto ou serviço moderno.

Segundo o Endeavor, 38,5% dos homens entrevistados alcançaram algum tipo de financiamento governamental para suas inovações, enquanto somente 19,2% das mulheres conseguiram tal apoio. “A mulher tem um jeito mais sutil de inovar, mas nem por isso é melhor ou pior que o homem”. 

Outro ponto do estudo foi à pesquisa da aversão ao risco. A conclusão é que as mulheres costumam adquirir menos riscos do que os homens. Novamente, a pesquisa não fez julgamento de valor – ou seja, não qualificou se isso é bom ou ruim. “Na maior parte dos fatos, elas têm uma postura mais firme para empreender”. – Sugerem especialistas.

Outro dado é que a conservação de talentos é maior em negócios comandados por mulheres. Enquanto 57,7% dos brasileiros assumiram ter dificuldades na área de recursos humanos ou no processo produtivo, apenas 34,6% das mulheres disseram a mesma coisa. 

A grande disputa para as empreendedoras brasileiras, aponta o estudo, é a criação da sua rede de contatos. Na comparação com americanas, suecas, ugandenses e jordanianas – no índice de empresárias que são elementos de associações de comércio – elas ficaram em último lugar nesse item. 

As mulheres fazem menos networking que os homens. Portanto, têm menos acesso a informações e deixam de permutar experiências com outros empreendedores – itens essenciais para o sucesso dos negócios.

Por fim, é tudo uma questão de equilíbrio – a mulher pensa mais na sucessão, o homem em ter uma empresa mais ampla. A mulher é mais organizada e o homem está sempre tentando ampliar a estrutura ao seu limite. A mulher mantém os homens com o pé no chão, e os homens cuidam para que elas cheguem ao céu.

 Ou seja, ninguém é melhor do que ninguém

O importante é conseguir equiparar esses elementos dentro do seu próprio negócio, para que atinja a estabilidade ou algo próximo do mesmo. A discussão, no final, acaba não sendo a de homem ou mulher, mas sim como ambos têm potencial para conquistar o sucesso com facilidade.

Se você quer se tornar um excelente empreendedor/a, tendo seu próprio negócio, aproveite essa oferta que tem tempo limitado para novas adesões!

CLIQUE NA IMAGEM

3 Habilidades que todo empreendedor deve ter

03 Habilidades que todo empreendedor deve ter

1° Habilidade: Você se tornar uma autoridade.

nando2

As pessoas não gostam que ninguém empurre um produto para elas, mas as pessoas gostam de comprar, eu sempre falo isso. De fato, hoje as pessoas preferem, principalmente na era digital que nos encontramos, as pessoas preferem comprar produtos e serviços não de empresas e sim de pessoas. Pessoas transmitem confiança, pessoas transmitem credibilidade e quando você vender seu produto/serviço, recrutar uma pessoa, a pessoa não está comprando a sua oportunidade, o seu produto ou serviço, porque de fato ela ainda não conhece, não sabe ainda os benefícios reais na prática do seu produto ou serviço. A pessoa está comprando por conta da sua credibilidade, por conta da sua autoridade, logo então é essencial que você construa a sua autoridade perante pessoas que você vai incialmente iniciar o seu recrutamento, a venda do seu produto ou serviço.

A autoridade é construída de que forma? A autoridade é construída de várias maneiras, principalmente mostrando que você é uma pessoa que tem resultado em uma determinada área. Se você não tiver resultado em área nenhuma, ótimo. Você vai contar histórias de pessoas de sucesso que funciona também muito bem. Então, você não tem sucesso ainda naquela área, você ainda não se tornou uma autoridade, mas você vai contar histórias, um caso de alguém que teve sucesso fazendo isso, isso e isso. Isso é muito importante, a sua autoridade precisa ser criada para que você consiga efetivamente que a pessoa olhe e pense: Legal, esse cara é uma autoridade e ele realmente sabe do que está falando e eu vou comprar o produto, me cadastrar. Entende? Você precisa se tornar uma autoridade. E a maneira mais prática de você se tornar uma autoridade digital, é você fornecer conteúdo de valor para a pessoa, assim como eu estou fornecendo esse conteúdo para você.

 

2° Habilidade: Fazer amigos.

amigos

Recomendação para você: Livro “Como fazer amigos e influenciar pessoas”.

Entenda que nesse mercado de venda de produto/serviço, seja online, off-line, mercado para você recrutar pessoas para sua empresa, repare que você precisa fazer com que as pessoas confiem em você, goste de você e conheça você. Dessa maneira você consegue fazer com que a pessoa tenha uma afinidade contigo, ninguém vai comprar um produto de você se a pessoa não gosta e não vai com a sua cara. Se você não de mim e não vai com a minha cara, com certeza você não vai comprar o meu produto ou serviço. Então, a segunda habilidade é você criar relacionamento, fazer amigos. Recomendo a leitura desse livro citado acima porque é de extrema importância e faz parte do business, faz parte do jogo. Você precisa saber fazer amigos e influenciar pessoas.

Observa que negócio gostoso e legal, você primeiro vai aprender a se tornar uma autoridade, segundo você faz amigos e automaticamente influencia pessoas e com isso você faz negócio.

Repare que essa questão dos relacionamentos é tão legal, não sei se você sabe, mas os maiores contratos do mundo são fechados não no escritório, mas sim no campo de Golfe. Exatamente, onde os empresários, as pessoas, estão ali relaxadas, curtindo e isso que é bem legal, aquele momento do relacionamento, do networking que é de fato o que nos ajuda no nosso negócio.

 

3° Habilidade: Divirta-se

Amarula-Sun-Water-Toys

Divirta-se enquanto estiver na sua caminhada, divirta-se enquanto você está no processo de chegar ao patamar máximo de vida, enquanto você está no processo de cadastrar novas pessoas, de vender, de chegar ao nível máximo da sua empresa. Divirta-se. Porque de fato você pode fazer um negócio chato num curto período de tempo, mas você não consegue fazer um negócio chato o tempo todo, concorda comigo? Então, o negócio precisa ser a caminhada, precisa ser divertida, se ela for divertida, ela vai ser prazerosa e com isso você vai acordar de manhã com esse entusiasmo, essa alegria de querer cada vez mais levar mais valor para as pessoas e de fato se divertir fazendo aquilo que você gosta, ninguém faz um negócio chato por muito tempo.

Não sei como, mas transforme o seu negócio em algo divertido, o Google e o Facebook já sabem disso, e sabem que os funcionários produzem muito mais quando eles estão num ambiente divertido. Por exemplo: Se você for ver a sede do Insta, do Facebook e do Google, são sedes aonde tem mesas de ping pong, fliperama, vídeo game para a hora que o funcionário quiser, ele para e vai lá se divertir, então a caminhada precisa ser divertida.

Se você gostou desse vídeo, compartilhe esse vídeo com toda a sua equipe de vendas, porque com certeza esses três fatores brutais indispensáveis para qualquer marqueteiro, vendedor, empreendedor e empresário faz diferença no final de você fechar um contrato, fechar uma venda ou recrutar uma pessoa.

E se você precisa de ajuda para construir esse negócio, seja online, fazer o seu negócio vender mais, eu posso te ajudar nisso, desde 2009 eu tenho experiência de vendas online, mais de 30 mil clientes, fui o primeiro brasileiro a vender 1 milhão de reais pela internet através de venda de produtos digitais sem ter um único funcionário e isso mudou a minha vida.

 

Eu estou muito entusiasmado e muito feliz e eu posso ajudar você a ter resultados com esse negócio, para isso acesse: www.fernando-augusto.com/consultoria

 

Um forte abraço,

Fernando Augusto